NO AR
AGORA




Geral 20/03/17 | 10:33:21
Fonte/Autor: Endrio Francescon/Marcio Tascheck/Departamento de Jornalismo Rádio Vitória - Foto: Divulgação
diminuir o tamanho do texto aumentar o tamanho do texto
  • Sistema Wean To Finish prevê maior qualidade de vida aos suínos
  • É um sistema usado em vários países no mundo, visando reduzir o estresse animal

Já há alguns anos o bem estar animal tem ganho, cada vez mais, valor e importância quando o assunto é suinocultura. Várias práticas são adotadas para melhorar o ambiente em que a animal habita, reduzindo ao máximo condições que possam trazer problemas de desconforto.

O estresse pode ser um fator determinante na qualidade do produto final, ou seja, no gosto e na textura da carne que irá para a mesa do consumidor. A BRF tem buscado formas para inovar e melhorar o ambiente em que animal vive, visando se adaptar ao que muitos países já utilizam e chamam de "Wean to Finish".

O gerente de agropecuária da BRF de Videira, Cesar Pasqual, explica que o um dos fatores que mais geram estres no animal é o carregamento do suíno. "Ele não pode ser submetido à situações de estres, como por exemplo, o carregamento do animal. Quem exige isso de nós são os nossos clientes, em que a BRF exporta carne para mais de 150 países."

O sistema Wean to Finish consiste na extinção da creche, terceiro setor que integra o SPL, Sistema Produtor de Leitões. O objetivo é fazer com que o leitão desmamado com 27 dias seja encaminhado para uma instalação onde permanecerá até o seu abate. Sendo assim, o animal não passaria pelo estres do carregamento.

Este sistema está em estudo e ainda não tem previsão para ser implantado definidamente nas granjas.

Para Cesar, as medidas de bem estar animal não impactam no lucro da empresa, mas fazem a diferença na mesa do consumidor, que sempre está exigindo mais qualidade nos produtos vendidos pela BRF. "Não diria que a economia melhora, mas nós conseguimos ter uma sustentabilidade melhor dentro do mercado", finalizou.